Radio RKS

Interview de Claudia Martins dans En Mode Portugal

Interview de Claudia Martins dans En Mode Portugal

09min |26/06/2020
Listen
Radio RKS

Interview de Claudia Martins dans En Mode Portugal

Interview de Claudia Martins dans En Mode Portugal

09min |26/06/2020
Listen

Description

 

Com apenas 8 anos, a vimaranense Cláudia Martins iniciou a sua aventura musical, aprendendo a tocar concertina e um ano depois envolveu-se no mundo das cantigas ao desafio.
Em 2001 pertenceu a um grupo familiar, designado “Amigos de Guimarães” com os quais partilhou momentos de grande alegria e festividade. Em 2005, fez parceria no duo “Tiago & Cláudia” experiência que a enriqueceu em termos pessoais e profissionais. Nesta altura começou a escrever as suas próprias letras, brincando com as palavras e com as melodias.

Grava o primeiro tema, uma Desgarrada com o seu tio Jorge Martins e Adília de Arouca - “Duas para assapar no Martins”. Torna-se a mais jovem cantadeira ao desafio na altura.
2000

2006

Com apenas 15 anos, com total domínio da Concertina e após muitas solicitações, abre a sua própria escola de Concertinas, dando aulas a mais de 40 alunos.

A sua enorme potencialidade deram lugar aos convites para apresentar o seu trabalho junto das Comunidades portuguesas espalhadas pelo Mundo. Em simultâneo percorre o país de lés a lés com espetáculos.
Estreia-se em televisão atuando no programa “Você na TV” da TVI.
2008

2009

Decide arriscar e formar o seu próprio projecto: Minhotos Marotos. O nome nasce fruto da fusão de dois aspectos essenciais: primeiro como homenagem à região que a viu nascer e, por outro lado por, o duplo sentido das palavras que compõem as suas canções.
Neste mesmo ano lançou o seu primeiro disco intitulado “Minhotos Marotos”, onde popularizou a música “Marotos”. O álbum de estreia foi um grande sucesso em Portugal e no estrangeiro, levando Cláudia Martins a realizar vários espetáculos por todo o mundo.

O tema “Compra-me frutas e legumes” faz parte da banda sonora da telenovela “Destinos Cruzados” da TVI.
2013

2014

Passados 5 anos, os Minhotos Marotos já com 5 álbuns no mercado, comemoram a data com um grande espetáculo no Multiusos de Fafe, de onde resultou a gravação do primeiro DVD.

Cláudia Martins é distinguida com o título Artista de Ouro atribuído pelo Blogue D’Ouro, como a mais jovem artista no género Popular.
2015

2016

O álbum “Faz Beicinho” conquista o Disco de Ouro, por vendas superiores a 7.500 unidades.

De uma situação inesperada, resulta a Desgarrada à GNR. Em plena A3 Cláudia Martins é apanhada pelo radar em excesso de velocidade. Pagou a multa e de seguida cantou para a GNR. O momento foi captado por um telemóvel e rapidamente se tornou viral, atingindo perto de 7 milhões de visualizações.
Este foi o ano que o nome do grupo sofreu um “restyle”, passando-se a chamar Cláudia Martins & Minhotos Marotos.
2017

2018

O tema “Segura-me no Saco” faz parte da banda sonora da telenovela “A Teia” da TVI.

Por forma a celebrar os 10 anos de carreira, Cláudia Martins idealizou e levou a cabo um megaevento - Arraial Maroto. O palco escolhido foi o Multiusos de Guimarães e foi uma festa verdadeiramente popular e inovadora no plano musical português. O espetáculo foi gravado para ser editado em DVD.
Também este ano fica marcado pela estreia de Cláudia Martins na rádio enquanto comentadora. “5 minutos marotos com… Cláudia Martins” foi uma rubrica de grande sucesso no horário nobre da Rádio Onda Viva.
Ainda neste ano o álbum “Segura-me no Saco” conquista o Disco de Ouro, por vendas superiores a 7.500 unidades.

Description

 

Com apenas 8 anos, a vimaranense Cláudia Martins iniciou a sua aventura musical, aprendendo a tocar concertina e um ano depois envolveu-se no mundo das cantigas ao desafio.
Em 2001 pertenceu a um grupo familiar, designado “Amigos de Guimarães” com os quais partilhou momentos de grande alegria e festividade. Em 2005, fez parceria no duo “Tiago & Cláudia” experiência que a enriqueceu em termos pessoais e profissionais. Nesta altura começou a escrever as suas próprias letras, brincando com as palavras e com as melodias.

Grava o primeiro tema, uma Desgarrada com o seu tio Jorge Martins e Adília de Arouca - “Duas para assapar no Martins”. Torna-se a mais jovem cantadeira ao desafio na altura.
2000

2006

Com apenas 15 anos, com total domínio da Concertina e após muitas solicitações, abre a sua própria escola de Concertinas, dando aulas a mais de 40 alunos.

A sua enorme potencialidade deram lugar aos convites para apresentar o seu trabalho junto das Comunidades portuguesas espalhadas pelo Mundo. Em simultâneo percorre o país de lés a lés com espetáculos.
Estreia-se em televisão atuando no programa “Você na TV” da TVI.
2008

2009

Decide arriscar e formar o seu próprio projecto: Minhotos Marotos. O nome nasce fruto da fusão de dois aspectos essenciais: primeiro como homenagem à região que a viu nascer e, por outro lado por, o duplo sentido das palavras que compõem as suas canções.
Neste mesmo ano lançou o seu primeiro disco intitulado “Minhotos Marotos”, onde popularizou a música “Marotos”. O álbum de estreia foi um grande sucesso em Portugal e no estrangeiro, levando Cláudia Martins a realizar vários espetáculos por todo o mundo.

O tema “Compra-me frutas e legumes” faz parte da banda sonora da telenovela “Destinos Cruzados” da TVI.
2013

2014

Passados 5 anos, os Minhotos Marotos já com 5 álbuns no mercado, comemoram a data com um grande espetáculo no Multiusos de Fafe, de onde resultou a gravação do primeiro DVD.

Cláudia Martins é distinguida com o título Artista de Ouro atribuído pelo Blogue D’Ouro, como a mais jovem artista no género Popular.
2015

2016

O álbum “Faz Beicinho” conquista o Disco de Ouro, por vendas superiores a 7.500 unidades.

De uma situação inesperada, resulta a Desgarrada à GNR. Em plena A3 Cláudia Martins é apanhada pelo radar em excesso de velocidade. Pagou a multa e de seguida cantou para a GNR. O momento foi captado por um telemóvel e rapidamente se tornou viral, atingindo perto de 7 milhões de visualizações.
Este foi o ano que o nome do grupo sofreu um “restyle”, passando-se a chamar Cláudia Martins & Minhotos Marotos.
2017

2018

O tema “Segura-me no Saco” faz parte da banda sonora da telenovela “A Teia” da TVI.

Por forma a celebrar os 10 anos de carreira, Cláudia Martins idealizou e levou a cabo um megaevento - Arraial Maroto. O palco escolhido foi o Multiusos de Guimarães e foi uma festa verdadeiramente popular e inovadora no plano musical português. O espetáculo foi gravado para ser editado em DVD.
Também este ano fica marcado pela estreia de Cláudia Martins na rádio enquanto comentadora. “5 minutos marotos com… Cláudia Martins” foi uma rubrica de grande sucesso no horário nobre da Rádio Onda Viva.
Ainda neste ano o álbum “Segura-me no Saco” conquista o Disco de Ouro, por vendas superiores a 7.500 unidades.

Share

Embed

To listen also

Description

 

Com apenas 8 anos, a vimaranense Cláudia Martins iniciou a sua aventura musical, aprendendo a tocar concertina e um ano depois envolveu-se no mundo das cantigas ao desafio.
Em 2001 pertenceu a um grupo familiar, designado “Amigos de Guimarães” com os quais partilhou momentos de grande alegria e festividade. Em 2005, fez parceria no duo “Tiago & Cláudia” experiência que a enriqueceu em termos pessoais e profissionais. Nesta altura começou a escrever as suas próprias letras, brincando com as palavras e com as melodias.

Grava o primeiro tema, uma Desgarrada com o seu tio Jorge Martins e Adília de Arouca - “Duas para assapar no Martins”. Torna-se a mais jovem cantadeira ao desafio na altura.
2000

2006

Com apenas 15 anos, com total domínio da Concertina e após muitas solicitações, abre a sua própria escola de Concertinas, dando aulas a mais de 40 alunos.

A sua enorme potencialidade deram lugar aos convites para apresentar o seu trabalho junto das Comunidades portuguesas espalhadas pelo Mundo. Em simultâneo percorre o país de lés a lés com espetáculos.
Estreia-se em televisão atuando no programa “Você na TV” da TVI.
2008

2009

Decide arriscar e formar o seu próprio projecto: Minhotos Marotos. O nome nasce fruto da fusão de dois aspectos essenciais: primeiro como homenagem à região que a viu nascer e, por outro lado por, o duplo sentido das palavras que compõem as suas canções.
Neste mesmo ano lançou o seu primeiro disco intitulado “Minhotos Marotos”, onde popularizou a música “Marotos”. O álbum de estreia foi um grande sucesso em Portugal e no estrangeiro, levando Cláudia Martins a realizar vários espetáculos por todo o mundo.

O tema “Compra-me frutas e legumes” faz parte da banda sonora da telenovela “Destinos Cruzados” da TVI.
2013

2014

Passados 5 anos, os Minhotos Marotos já com 5 álbuns no mercado, comemoram a data com um grande espetáculo no Multiusos de Fafe, de onde resultou a gravação do primeiro DVD.

Cláudia Martins é distinguida com o título Artista de Ouro atribuído pelo Blogue D’Ouro, como a mais jovem artista no género Popular.
2015

2016

O álbum “Faz Beicinho” conquista o Disco de Ouro, por vendas superiores a 7.500 unidades.

De uma situação inesperada, resulta a Desgarrada à GNR. Em plena A3 Cláudia Martins é apanhada pelo radar em excesso de velocidade. Pagou a multa e de seguida cantou para a GNR. O momento foi captado por um telemóvel e rapidamente se tornou viral, atingindo perto de 7 milhões de visualizações.
Este foi o ano que o nome do grupo sofreu um “restyle”, passando-se a chamar Cláudia Martins & Minhotos Marotos.
2017

2018

O tema “Segura-me no Saco” faz parte da banda sonora da telenovela “A Teia” da TVI.

Por forma a celebrar os 10 anos de carreira, Cláudia Martins idealizou e levou a cabo um megaevento - Arraial Maroto. O palco escolhido foi o Multiusos de Guimarães e foi uma festa verdadeiramente popular e inovadora no plano musical português. O espetáculo foi gravado para ser editado em DVD.
Também este ano fica marcado pela estreia de Cláudia Martins na rádio enquanto comentadora. “5 minutos marotos com… Cláudia Martins” foi uma rubrica de grande sucesso no horário nobre da Rádio Onda Viva.
Ainda neste ano o álbum “Segura-me no Saco” conquista o Disco de Ouro, por vendas superiores a 7.500 unidades.

Description

 

Com apenas 8 anos, a vimaranense Cláudia Martins iniciou a sua aventura musical, aprendendo a tocar concertina e um ano depois envolveu-se no mundo das cantigas ao desafio.
Em 2001 pertenceu a um grupo familiar, designado “Amigos de Guimarães” com os quais partilhou momentos de grande alegria e festividade. Em 2005, fez parceria no duo “Tiago & Cláudia” experiência que a enriqueceu em termos pessoais e profissionais. Nesta altura começou a escrever as suas próprias letras, brincando com as palavras e com as melodias.

Grava o primeiro tema, uma Desgarrada com o seu tio Jorge Martins e Adília de Arouca - “Duas para assapar no Martins”. Torna-se a mais jovem cantadeira ao desafio na altura.
2000

2006

Com apenas 15 anos, com total domínio da Concertina e após muitas solicitações, abre a sua própria escola de Concertinas, dando aulas a mais de 40 alunos.

A sua enorme potencialidade deram lugar aos convites para apresentar o seu trabalho junto das Comunidades portuguesas espalhadas pelo Mundo. Em simultâneo percorre o país de lés a lés com espetáculos.
Estreia-se em televisão atuando no programa “Você na TV” da TVI.
2008

2009

Decide arriscar e formar o seu próprio projecto: Minhotos Marotos. O nome nasce fruto da fusão de dois aspectos essenciais: primeiro como homenagem à região que a viu nascer e, por outro lado por, o duplo sentido das palavras que compõem as suas canções.
Neste mesmo ano lançou o seu primeiro disco intitulado “Minhotos Marotos”, onde popularizou a música “Marotos”. O álbum de estreia foi um grande sucesso em Portugal e no estrangeiro, levando Cláudia Martins a realizar vários espetáculos por todo o mundo.

O tema “Compra-me frutas e legumes” faz parte da banda sonora da telenovela “Destinos Cruzados” da TVI.
2013

2014

Passados 5 anos, os Minhotos Marotos já com 5 álbuns no mercado, comemoram a data com um grande espetáculo no Multiusos de Fafe, de onde resultou a gravação do primeiro DVD.

Cláudia Martins é distinguida com o título Artista de Ouro atribuído pelo Blogue D’Ouro, como a mais jovem artista no género Popular.
2015

2016

O álbum “Faz Beicinho” conquista o Disco de Ouro, por vendas superiores a 7.500 unidades.

De uma situação inesperada, resulta a Desgarrada à GNR. Em plena A3 Cláudia Martins é apanhada pelo radar em excesso de velocidade. Pagou a multa e de seguida cantou para a GNR. O momento foi captado por um telemóvel e rapidamente se tornou viral, atingindo perto de 7 milhões de visualizações.
Este foi o ano que o nome do grupo sofreu um “restyle”, passando-se a chamar Cláudia Martins & Minhotos Marotos.
2017

2018

O tema “Segura-me no Saco” faz parte da banda sonora da telenovela “A Teia” da TVI.

Por forma a celebrar os 10 anos de carreira, Cláudia Martins idealizou e levou a cabo um megaevento - Arraial Maroto. O palco escolhido foi o Multiusos de Guimarães e foi uma festa verdadeiramente popular e inovadora no plano musical português. O espetáculo foi gravado para ser editado em DVD.
Também este ano fica marcado pela estreia de Cláudia Martins na rádio enquanto comentadora. “5 minutos marotos com… Cláudia Martins” foi uma rubrica de grande sucesso no horário nobre da Rádio Onda Viva.
Ainda neste ano o álbum “Segura-me no Saco” conquista o Disco de Ouro, por vendas superiores a 7.500 unidades.

Share

Embed

To listen also